Mutirão contra a Dengue
Oito mil frascos de repelentes são distribuídos em Londrina 
 
Em mutirão de combate ao mosquito Aedes Aegypti, 8 mil frascos de repelentes foram entregues neste fim de semana a moradores do Conjunto Lindoia e Jardim Eucalipto, ambos na zona leste da cidade londrinense.
 
A ação contou com a participação de voluntários da filial Cruz Vermelha Brasileira no Paraná que, junto a funcionários voluntários das Lojas Super Muffato, fizeram a distribuição dos produtos nas comunidades.
 
De acordo Eliana Reynaldo, Coordenadora de Voluntariado da Cruz Vermelha Brasileira no Paraná, esta é mais uma etapa do intenso trabalho que a Cruz Vermelha Brasileira vem realizando em todo o país para combater o mosquito e também para conscientizar: "Esclarecendo a população sobre os cuidados e responsabilidades de cada um de nós, para evitar a proliferação do mosquito", afirma.
 
A arrecadação dos repelentes se deu graças à campanha "Compre e Doe," realizada pela SBP e Lojas Super Muffato, na qual a cada produto SBP vendido, em qualquer loja da rede, a marca doou um real em repelentes. 
 
Segundo o site G1 - Norte e Noroeste - RPC, o levantamento divulgado pela prefeitura da cidade de Londrina apresenta índices elevados de infestação pelo mosquito Aedes aegypti.  No Centro, ficou em 14,06%; Região Leste 12,98%;  Zona Norte 12,8% ; Zona Sul 12,4% e Região Oeste 9,4%. O levantamento mostra que os índices estão bem acima dos 3,9% que o Ministério da Saúde considera como estado de alerta e identifica como cenário de possível epidemia.
 
O Aedes aegypti é um mosquito de apenas 7 milímetros capaz de transmitir diferentes doenças, entre as quais a dengue, o zika vírus, a febre amarela e a chikungunya. A Cruz Vermelha Brasileira e a SBP vão estender, ainda este ano, a parceria na luta contra os mosquitos para outras cidades e estados do Brasil.
 
Jornalista: Vik Correia
Crédito das fotos: Rei Santos